Seguidores

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

MÃOS ENTRELAÇADAS


Sentir que somos importantes para alguém,
é simplesmente sentir a vida, o sonho,
principalmente se este alguém
é importante para nós.

Amor meu, vamos passear pelos campos,
mares, jardins floridos,
enfim, vamos dar as mãos e neste contato,
sentir as diferentes emoções
transmitidas pelos nossos corações.

É preciso sonhar para viver os sonhos,
pois através deles é que nos realizamos na vida,
com você sinto o brilho das estrelas,
e até começo a contá-las…

A lua está mais bela, pois percebe que em nossos corações,
o amor floresce.
Cada flor parece ter mais vida,
o sol ilumina nossos rostos, querendo mostrar à natureza,
como é bom AMAR!

Nestes prados verdejantes, vamos sentar debaixo do Ipê florido,
admirar as flores campestres e sentir que o silêncio existe.
Sempre existiu nos campos, dando espaço
aos sons que a própria natureza emite,
o cantar dos pássaros, o farfalhar das árvores…

Continuamos de mãos dadas, você colhe uma pequena
flor do campo
e coloca em meus cabelos.

Então eu sinto que o amor existe,
Deus está ali conosco, e como é belo AMAR!
(Rayma Lima)

2 comentários:

prazerdeescrever disse...

Que lindo Marylú!O amor existe sim!
E eu sou uma testemunha convicta.Sou casada há 42 anos,onde ainda existe amor,carinho e fidelidade.
bjos
Carmen Lúcia

ANTONIO CAMPILLO disse...

Querida amiga MaryLú, si bien es cierto que cuando se es feliz, cuando se siente ese inmenso cosquilleo en el corazón, todo el entorno nos parece más bello, más puro, más fantástico, también es cierto que no sólo podemos dejarnos llevar por una contemplación que, a nuestro pesar, es pocas veces sentida por otras personas y parcialmente rota por una sociedad que no respeta esos sentimientos.
Es duro pero cierto. Creo que debemos sentirnos felices, ¡cómo no!, a pesar de esos inconvenientes Creo, igualmente, que debemos poseer unas cuantas gotas de pragmatismo y compartirlo con la persona amada. En caso contrario no soportaríamos vivir en un sueño.

Un abrazo, MaryLú.